Recent Posts

domingo, 19 de setembro de 2010


E foi assim, com a beleza das coisas que simplesmente acontecem porque é tempo...

Sua mão descobriu a minha e puxou um abraço. Na cadência suave dos seus gestos, minha alma encontrou o caminho de casa. Sua boca, vizinha do meu ouvido, deixou o coração cantar, bem baixinho, uma música de ser feliz. Um sorriso harmonizou seus passos no meu caminho, quando seu braço escorreu pelas minhas costas.

Ali, na cozinha pequena, esteve o pra sempre. E, no abraço dançarino, coube toda alegria do mundo.


Vezemquando é possível voar...


11 comentários:

Gra Porto disse...

Que delicadeza!
Que coisa mais linda!!
Palavras macias, perfeitas pra se ler numa manhã gostosa de domingo.
Bjoo Lu

Gaby Almeida disse...

Sempre com palavras suaves... adoro isso.

Paulinha disse...

Acho que tô precisando voar...
:(( :((

bj

Pétala disse...

Que lindo! Um momento de amor tão bem descrito!

Beijos e pétalas.

Gra Porto disse...

Oi Lu!!
Vim te agradecer a prece q me mandou!!
Gostei muito! Muito obrigada msm!!
É linda!!
Gde bjo

Jaqueline Lima disse...

deixa que se toquem, se conheçam e descubram...

Giardia disse...

Vo-e-mos!


Amei seu blog, lindo, parabéns!

Karla Thayse disse...

Belíssimo, teu escritos me encantam, meu coração flutua por aqui.
Tenha um lindo final de semana.
Beijo

Amanda Nakao disse...

Ahhhh.. (suspiro) Tuas palavras soam também e se encaixam tão perfeitamente aos meus olhos. Que delícia é vir aqui e poder ler textos tão bonitos, como numa manhã de sol e mar aqui para mim.

Amanda Nakao disse...

também = tão bem. hihihih Errei, desculpa-me.

Sam disse...

Vezemquando é possível voar.
Como já falaram é muito doce essas palavras *--*