Recent Posts

sábado, 30 de janeiro de 2010

Com o computador ligado olhava para o outro lado. Reparava curiosa que todo efeito dependia da posição da luz, não era a coisa em si que importava, não era exatamente o objeto que ela via, mas a imagem composta de faces expostas e sombras.

As palavras não escorriam, não era mais chuva como antes. Em tempos de estio, letras não caem das pontas dos dedos e os olhos desacostumam de pensar teclado, por isso evitava o monitor vazio e olhava para fora querendo rever o que tinha tatuado por dentro.


Pela janela, o verão entrava seguro e convidava a moça para passear, bem difícil para o monitor competir com um azul de abrir horizontes. E como era mesmo para ser, ela saiu, deixando o computador ligado, foi catar palavras no meio das conchas e dos sorrisos, seguindo a brisa que trazia de longe um cheiro de mar.

http://addy-ack.deviantart.com/art/Summer-feeling-151085247

11 comentários:

Pétala disse...

Ah, sim, com o mar lá fora esperando por ela, não havia por que ficar em frente ao monitor. Eu também faria o mesmo. Ela, pelo visto, sabe o efeito grandioso que sentar na areia, brincar com conchas e ouvir o mar, tem num dia despretensioso.

Beijos e pétalas.

Gracyelly disse...

Que bom que vc voltou Luciana!! Tava fazendo falta viu? Balões...adoro!! Novidade né? Rs.
Um ótimo fds pra vc!!
Bjoo

Ps: Pode usar o Trofeu Borrachinha a vontade!!

Thomaz Ribeiro disse...

No final, sempre quem vence é o elemento humano, a poesia. Que bom que você voltou.
Abraços.

Ilaine disse...

Quanto tempo, Luciana.
Estava sentindo falta de você.
Ah, quanta poesia! Todo escrito é lindo e o final, então... "ela saiu para catar palavras no meio das conchas e dos sorrisos..."

Beijo

Kuriozza disse...

Coisa boa é voltar aqui e encontrar suas doces palavras. Muito bom.

Beijos!
=)

Palavras que falam por mim disse...

Olá, antes de mais nada, parabéns pelo blog!
E por acha-lo de muito bom gosto é que o/a convido a vir conhecer a proposta do meu Blog para você.

Aguado sua visita!

Forte abraço!

Ka s2

Mulher na Polícia disse...

Nossa!

...É a insustentável leveza do ser!
Quero ir embora mais não...
Excelente!

;)

carmim disse...

ê, dona moça. me mata um dia!

' Geane Melo disse...

Realmente são escritos lindos e a criatividade está no auge por aqui.Sim,muitas vezes necessitamos sair um pouco,clarear os pensamentos para as "letras caírem das pontas dos dedos"

"foi catar palavras no meio das conchas e dos sorrisos" (amei ;])

Vanessa Souza Moraes disse...

Que blog bonito!

Tenho uma queda pelo belo... Passarei por aqui mais vezes :)

Solange Maia disse...

Luciana,

Estou absolutamente encantada com suas palavras... salvei no meu favoritos... li bastante, mas quero mais... lindo demais.

E que bom que no final a gente acaba sempre escolhendo o céu azul...

beijo grande