Recent Posts

quinta-feira, 13 de março de 2008

Tempus fugit


Viver o hoje, o momento presente em toda a sua inteireza e complexidade, estar de corpo, mente e alma aqui e agora. Sentir, falar, agir. Ela tem se esforçado nesse sentido...
Não é a procura pela satisfação instantânea e superficial, tão comum nesses dias; também não se trata da realização irresponsável de desejos individuais, sem cuidado com os outros.
É, na verdade, a busca do equilíbrio entre o planejar e o viver - falar o que precisa ser dito, não desistir por medo de fracassar; apostar nos encontros quando eles acontecem, porque são raros e a vida é breve.
Obs: imagem - Pintor Alcir Costa - retirado do livro "Arte para Criança".

5 comentários:

Alice disse...

Oi Narrador,
Achei uma foto no seu blog e se vc não se incomodar, postei em um outro blog. Mas coloquei o link do seu e a fonte.

Espero que não se incomode.

Bjs...
Letícia

O Blog é esse:

http://cursodasletras.blogspot.com/

Alice disse...

E adorei o texto.

Não desitir por medo é mesmo ter coragem. :)

Luci disse...

Nos últimos dias tenho encontrado alguns textos com essa natureza nos blogs de nossa Biblioteca virtual, como diz a Alice. Essa exaltaçao à vida, ao viver.

"...porque são raros e a vida é breve."

Viver sem se preocupar. Viver vivendo. Simples assim.

Luci:)))

Marcelo disse...

A vida é breve...Bora vivê-la em toda a sua intensidade e em todas as suas cores.
Não deixar pra depois o amor que podemos viver hoje.
Viver,viver..É para isso que estamos aqui, não para esperar e esperar..

Abraços

Narrador disse...

Oi Alice,
Muito legal o blog... a foto é do olhares - deixei lá no comentário direitinho a indicação.

Oi Luci,
Acho que todo mundo está querendo, ou pelo menos tentando, descomplicar...

Oi Marcelo,
Realmente, não estamos aqui pra "esperar e esperar"...